Rede municipal de ensino está acima das médias nacional e estadual

  • Índice de Desenvolvimento da Educação (Ideb) foi divulgado nesta quinta-feira, 8

    Assunto: Educação  |   Publicado em: 09/09/2016 às 17:29   |   Imprimir

Nesta quinta-feira, 8, data em que comemora-se o Dia Mundial da Alfabetização, o Governo Federal divulgou os dados do Índice de Desenvolvimento da Educação (Ideb) do ano de 2015.

Acessíveis por meio do portal ideb.inep.gov,br, as informações apontam que, diante dos níveis nacional e estadual, a educação da rede municipal de Horizontina está acima das médias.

No Ensino Fundamental, as notas são atribuídas aos Anos Iniciais e Anos Finais. No primeiro caso, onde estão alunos do 1º ao 5º ano, Horizontina atingiu o índice de 6,5 – maior média desde o ano de 2005. O Estado obteve a média 5,7 em todas as redes de ensino, enquanto que o País ficou com 5,5.

Já nos Anos Finais, do 6º ao 9º Ano, o Município ficou com a média 5,1. O Estado ficou com o índice 4,3 e o País 4,5.

Principal indicador de qualidade do Ensino Fundamental e Médio no Brasil, o Ideb é calculado a partir do rendimento escolar (taxas de aprovação e abandono) e do desempenho dos alunos na Prova Brasil e na Avaliação Nacional da Educação Básica (Aneb).

A Prova Brasil, aplicada nas escolas da rede pública, avalia o desempenho dos estudantes em língua portuguesa e matemática no final dos ciclos do Ensino Fundamental, 5º Ano e 9º Ano, e no 3º Ano do Ensino Médio. Já a Aneb é um exame amostral. Ambas são realizadas a cada dois anos.

Para compor o Ideb, cada escola pública do País recebe uma nota, assim como as redes de ensino, os municípios e os estados. A partir destes dados, o Ideb atribui uma nota diferente para três etapas da educação básica: Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio.